Convênios com universidades espanholas de fôlego renovado
15/03/2017 13:18
Paula Strecht

Numa incursão por parceiras da Espanha, como a Autônoma de Madri, o reitor da PUC-Rio, padre Josafá Carlos de Siqueira, e o assessor de Política Internacional, professor Danilo Marcondes, ampliam frentes de cooperação acadêmica e de intercâmbio

A PUC-Rio reforça, logo na largada do ano, convênios com universidades da Espanha, como as de Valladolid, Comillas e Autônoma de Madri. Depois de um mergulho de cinco por parceiras – efetivas e potentes – na capital espanhola e em Valladolid, o reitor da PUC-Rio, padre Josafá Carlos de Siqueira, S.J., e o assessor de Política Internacional, Danilo Marcondes, pavimentaram novos caminhos para potencializar a cooperação acadêmica entre docentes e os intercâmbios voltados a alunos.

A uma hora de carro de Madri, a Universidade de Valladolid abriu as portas, no mês passado, para a visita dos representates da PUC-Rio. Recebidos pelos congêneres espanhóis, eles conheceram programas de pesquisa dos setores de Engenharia, Arquitetura e Meio Ambiente –  em especial, os projetos de energia renovável e o edifício Lúcia, reconhecido como o mais sustentável da Europa. Danilo destaca também a tradição e o repertório acadêmico da parceira espanhola:

– A  Universidade de Valladolid  tem fortes potenciais em diversas áreas: Engenharia, História, Curso de Línguas, além do peso histórico. O fato de não ser uma cidade tão cara quanto Madri também facilita a vida do universitário, que pode, inclusive, passear na capital espanhola nos fins de semana – acrescenta.

O professor ressalta, com igual reconhecimento, o projeto social e o curso de Línguas da Universidade de Comillas, na área central de Madrid. Para Danilo, representam também boas alternativas de intercâmbio. 

Assim como Comillas, a Universidade Autônoma de Madrid mantém uma colaboração universitária ativa com a PUC-Rio. O acordo pode ser estendido para áreas como duplo diploma, dupla titulação na graduação e na pós-graduação.

Reitor Pe. Josafá Carlos de Siqueira SJ (à direita). Foto: divulgação

Já a Complutense, embora ainda não tenha convênios formais com a PUC, apresenta afinidades que, segundo o professor Danilo Marcondes, reúnem potencipal para se converterem em parcerias de cooperação internacional:

– Em minha visita, pude perceber que a universidade tem muitas áreas comuns à PUC. Então estamos preparando um possível convênio com eles. Quando as áreas de interesse de duas universidades entram em afinidade, creio que haja uma grande chance de nascer parcerias eficientes – projeta.

Na insursão por universidades espanholas, padre Josafá e Danilo foram recebidos e ciceroneados também pela Embaixada do Brasil na Espanha. Eles visitaram, além daquelas instituições, a Casa do Brasil, residência estudantil que pode atender alunos e professores.

– Nós, da PUC-Rio, não tínhamos muito contato com a Casa do Brasil, mas o diretor foi muito gentil. Nos recebeu muito bem e disse que está à disposição para o que precisarmos. O preço da Casa não é alto e inclui refeições. Acredito que seja um bom lugar para acolher nossos discentes e docentes ­– avalia Danilo.

Assessor de Política Internacional, Prof. Danilo Marcondes e Reitor Pe. Josafá Carlos de Siqueira SJ (à esquerda) na Casa do Brasil. Foto: divulgação

Ainda de acordo com o professor, a embaixada está empenhada em articular universidades brasileiras e espanholas à iniciativa privada daquele país. Um esforço que, ressalta Danilo, é compartilhado pela PUC-Rio. "Pois as empresas são capazes de financiar bolsas de estudo, além de abrir vagas de estágio", lembra o professor.

Para Danilo, a Espanha revela-se um dos países mais atraentes aos alunos, pelas facilidades de estudo, pela cultura de acento latino e pela língua relativamente acessível aos brasileiros. Ele observa:

– Este conjunto de vantagens explica um pouco o sucesso da Espanha com intercâmbios. Queremos cultivar isso na PUC-Rio.

Mais Recentes
Sustentabilidade é novo paradigma de desenvolvimento
Em palestra na PUC-Rio, pesquisadores do IBGE e professores do Centro de Ciências Sociais discutem a importância da leitura de indicadores sociais, e as lacunas nos dados
Fevuc: remodelação da aparência
Convidados refletem sobre as mudanças que cada indivíduo passa para se integrar às regras impostas pela sociedade
Pilotis recebem doações para as milhares de vítimas do furacão no Haiti
Reitor conclama Comunidade PUC para aderir à campanha. Feijão, arroz e leite em pó são prioridade. Arca da Solidariedade está nos Pilotis do Kennedy.