Novos professores eméritos
23/11/2017 13:14
Paula Ferro

Abraham Alcaim e José Eugenio Leal receberam o título em cerimônia na Sala do Conselho Universitário

Os professores Abraham Alcaim, do Centro de Estudos em Telecomunicações (Cetuc), e José Eugênio Leal, do Departamento de Engenharia Industrial, receberam o título de professores eméritos na quarta-feira, 22, em reunião na Sala do Conselho Universitário. Na cerimônia, presidida pelo Reitor da Universidade, padre Josafá Carlos de Siqueira, S.J., foram entregues aos homenageados a medalha Cardeal Leme, maior condecoração da PUC-Rio. A solenidade também contou com a presença dos Vice-Reitores e do Decano do Centro Técnico Científico, professor Luiz da Silva Mello.

Foto: Fernanda Maia

Professor do Cetuc durante 37 anos, Alcaim é referência na área de processamento digital de imagem e voz. Doutor em Engenharia Elétrica pela Imperial College of Science and Technology, da University of London, ele criou a cadeira de processamento de imagens. Desde 2013, Alcaim se dedica à paixão pela pintura. Na cerimônia, ele agradeceu à comunidade universitária e aos alunos que, segundo ele, contribuíram na trajetória profissional e acadêmica.

Foto: Fernanda Maia

O diretor do Cetuc, Flávio Hasselmann, destacou as contribuições do trabalho realizado pelo professor. Segundo ele, as inovações desenvolvidas por Alcaim permitiram avanços tecnológicos utilizados em telefonia, televisão, investigações policiais, entre outras.

— Em 2009, ele foi promovido a professor titular e, em 2013, tornou-se membro titular da Academia Nacional de Engenharia. Durante todos esses anos, o professor foi reconhecido pela comunidade científica como líder e pioneiro na área de processamento digital de códigos.

Foto: Fernanda Maia

Outro homenageado, o professor José Eugênio Leal se emocionou ao receber a medalha Cardeal Leme, maior honraria concedida pela Universidade, das mãos do Vice-Reitor Administrativo, Luiz Carlos Scavarda. Ele relembrou que o pai dele, que foi professor da PUC-Rio, também recebeu a medalha. 

— Essa homenagem está muito acima de algo que eu esperaria. Estou aqui com uma medalha diferente, dada ao professor Eudânio Leal, meu pai, em gratidão à PUC. A minha medalha é uma continuação da que ele ganhou. É uma honra ter dado continuidade ao trabalho que ele começou.

José Eugênio está no Departamento de Engenharia Industrial desde 1984 e foi diretor durante três mandatos. Ele foi Vice-Decano do Centro Técnico Científico durante 14 anos. Doutor pela Universidade de Berlim, ele é referência na área de transporte e logística e coordena o mestrado profissional em logística da Universidade. O atual diretor do Departamento de Engenharia Industrial, professor Luiz Felipe Scavarda, ressaltou o perfil visionário de Eugênio.

— O professor é um exemplo de pertencimento. Foi muito importante na criação de diversas coisas na PUC. No Departamento, a consolidação da área de transportes com logística, uma visão pioneira na época. Conseguiu enxergar uma possibilidade no mestrado profissional, e nós temos um dos primeiros cursos do país.

Mais Recentes
Rotina que concilia treinos e orçamentos
O gerente de orçamento e projetos da PUC-Rio, Antonio Ferreira de Oliveira, se divide entre o ciclismo e a Universidade
A arte do presépio
Em palestra do projeto Natividades Arte e Cultura, padre José Maria Fernandes relembra as origens dessa arte
Filipe Duarte Santos ministra aula na PUC
O professor português Filipe Duarte Santos, da Universidade de Lisboa, proferiu uma aula na PUC-Rio