Parceria entre Brasil e Canadá
11/12/2017 12:40
Eduardo Diniz

Professor Carlos José Pereira Lucena recebe premiação pela relevância dos serviços prestados no estreitamento de laços entre os países

Evelyne Coulombe, padre Josafá Carlos de Siqueira, S.J., e padre Pedro Magalhães, S.J. Foto: Isabella Lacerda

O diretor do Laboratório de Engenharia de Software da PUC-Rio, professor Carlos José Pereira de Lucena, do Departamento de Informática, recebeu na quinta-feira, 7, uma medalha de mérito por ser uma personalidade representativa para as relações entre o Brasil e o Canadá. A entrega foi feita pela cônsul-geral do Canadá no país, Evelyne Coulombe. Estiveram presentes também na cerimônia o Reitor da Universidade, padre Josafá Carlos de Siqueira, S.J., e o presidente da Associação Mantenedora da PUC-Rio, padre Pedro Magalhães Guimarães Ferreira, S.J..

A professora do Departamento de Processos Químicos do Instituto de Química da UERJ e diretora do Departamento de Cooperação Internacional da UERJ, Cristina Ruth Guimarães Furtado, e o diretor executivo do Instituto Tecnológico da Vale, Sandoval Carneiro Júnior, também foram homenageados com o prêmio.

A Cônsul do Canadá no Brasil, Evelyne Coulombe Foto: Isabella Lacerda

­A cônsul explicou que a medalha é comemorativa e foi elaborada pelo governo canadense para reconhecer indivíduos que contribuem de forma significativa para as relações entre os dois países. Segundo ela, tem sido feito um trabalho institucional para estreitar as relações entre instituições de ensino e pesquisa entre os dois países. Evelyne ressaltou que essa aproximação não seria possível sem as parcerias que os profissionais brasileiros e canadenses vêm desenvolvendo na área de educação nos últimos anos. 

— Educação é um dos pilares fundamentais para a relação entre o Canadá e o Brasil. O Brasil é considerado um país prioritário na estratégia de educação internacional do governo canadense, e isso se reflete nas estatísticas. Em 2016, o Canadá recebeu mais de 400 mil estudantes estrangeiros, dos quais 26 mil eram brasileiros interessados em conhecer nosso modelo de educação.

Evelyne entregou o prêmio ao professor Lucena pelo importante papel dele no estreitamento de laços na educação entre os dois países. Segundo ela, Lucena é um dos pioneiros na computação no Brasil e teve forte atuação na relação da PUC-Rio com outras instituições de ensino e pesquisa no país e no exterior. O professor agradeceu a homenagem e relembrou o início desse projeto.

— Eu tenho um enorme prazer em receber esse prêmio totalmente inesperado. Este ano fui surpreendido com três prêmios consecutivos em três meses. Quando soube que tinha dez minutos para falar sobre a cooperação com o Canadá fiquei frustrado porque nem em muitos anos eu conseguiria contar essa história, que começou lá atrás, em 1966.

Professor Carlos José Pereira Lucena na entrega da medalha Foto: Isabella Lacerda

A professora Cristina Ruth recebeu a medalha por ter sido primordial em ajudar o consulado do Canadá no Rio a avançar e a fortalecer os laços com as melhores faculdades, universidade e institutos no Brasil. Evelyne ainda ressaltou que a professora apoiou uma grande gama de iniciativas organizadas para formar novas parcerias entre o Brasil e o Canadá. Cristina elogiou a parceria feita entre Brasil e Canadá e comemorou os resultados nos últimos anos.

— Receber essa homenagem da cônsul-geral é um momento de muita alegria e prazer. Nossa parceria com o setor de educação do consulado do Canadá no Rio de Janeiro é antiga. Nos últimos anos, organizamos diversos eventos na UERJ, em parceria com o consulado do Canadá no Rio de Janeiro. Tivemos muitos alunos de graduação e pós-graduação contemplados pelos programas de bolsas. Nossas parcerias são muito sólidas, o que nos permitem o intercâmbio de alunos, professores e pesquisadores.

A cônsul ressaltou também a participação do professor Sandoval Carneiro que, segundo ela, foi um dos primeiros a acreditar, desde o início da parceria, que o Brasil e o Canadá poderiam, juntos, fazer mais pela educação nos dois países. Ela ainda relembrou que Carneiro assinou um acordo de cooperação entre os países em 2010, que foi renovado em 2015 pelo êxito nas negociações. 

Mais Recentes
Assembleia Universitária
Em sessão de final de ano, o Reitor da PUC-Rio, padre Josafá Carlos de Siqueira, S.J, apresentou o balanço da Universidade e das atividades acadêmicas realizadas em 2017
Novas oportunidades na representação estudantil
Os representantes eleitos para os Centros Acadêmicos e para o DCE Raul Amaro tomaram posse nessa terça-feira, 20.
Rotina que concilia treinos e orçamentos
O gerente de orçamento e projetos da PUC-Rio, Antonio Ferreira de Oliveira, se divide entre o ciclismo e a Universidade