Acolhimento para diferenças
04/07/2018 17:19
Lethicia Amâncio e Karen Krieger

A.E.I.O.U. promove festividade de conclusão do semestre com dança, música e cores

O lema do curso reforça a ideia de integração proposta. Foto: Amanda Dutra.

O encerramento do curso de extensão Arte, Educação e Inclusão com Orientação Universitária (A.E.I.O.U.) foi nesta terça-feira, 3, na Sala de Aula entre as Árvores, do Departamento de Artes & Design. O encontro teve a participação de professores do curso, monitores, alunos e familiares, que comemoraram a conclusão de mais um semestre. Os alunos fizeram apresentações de danças com tecidos, produziram comidas e agradeceram aos realizadores.

O local foi decorado com retalhos e cordas, trabalhos dos alunos e uma grande variedade de frutas. Os familiares compareceram à festividade, e participaram de danças e atividades com os jovens. Músicas sobre a fauna e flora brasileira também foram tocadas em todo o encontro. A aluna Fernanda Medina, de 22 anos, conheceu Arthur Pietro, de 23 anos, no curso, e se tornaram grandes amigos. Antes da festa, eles ajudaram a lavar as frutas e a organizar o ambiente com os outros estudantes. Feliz com o encerramento do semestre, Fernanda contou que aproveitou a diversidade de exercícios propostos.

— Gostei muito do curso, o que eu mais gostei foi do bordado, eu fiz uma bolsinha. Participei do Biochip, do teatro e da dança, e fiz a máscara de teatro de morcego, foi bem legal.

Arthur Pietro é um dos alunos do curso, ele ajudou na organização da festividade e aproveitou a festa com os amigos e família. Foto: Amanda Dutra.

A interação entre pessoas com diversidade intelectual é um dos objetivos das aulas, assim como o convívio com estudantes universitários a partir das monitorias, segundo a professora Cláudia Bolshaw, do Departamento de Artes & Design. Uma das Coordenadoras do curso, ela observou que o interessante é o aprendizado horizontal, ou seja, os alunos da graduação aprendem tanto quanto ensinam, é uma experiência mútua, como ela definiu.

— O que é diversidade cultural para você? A melhor resposta que eu já recebi foi de um aluno com microcefalia. Ele desenhou um quadrado e colocou de cabeça para baixo, essa foi a definição que ele me deu.

Os familiares participaram das atividades com os alunos. Foto: Amanda Dutra

As aulas buscam a ambientação de pessoas especiais à comunidade universitária, por meio de artes visuais, dança e teatro. O curso é coordenado também pela professora Ana Branco, do Departamento de Artes & Design e tem a participação de mais quatro professores. Aluno do Departamento de Artes & Design, Guilherme Silva teve sua despedida da turma durante a festa, depois de um ano como monitor. O que ele levou da experiência foi a integração harmoniosa com a diferença, que, segundo ele, dificilmente existe na sociedade.

— O ambiente é de verdadeira integração, já que na sociedade, quando entramos em conflito com pessoas, nós brigamos e muitas vezes somos agressivos, mas aqui a relação é muito mais amorosa. Uma coisa simples que você faz e eles já vêm agradecer, e você se sente muito feliz porque sente que foi importante para eles.

Mais Recentes
II Encontro CCB
Professores, mestrandos e doutorandos discutem questões sobre Cultura e Consumo
Incentivo ao empreendedorismo
Diretor da Faperj, Maurício Guedes, participa de Aula Inaugural de empreendedorismo na PUC-Rio
Monteiro Lobato – Vida e obra
O Encontro Infanturas: Monteiro Lobato - vida e obra celebra os 70 anos da morte do escritor.