Brasil é o primeiro país da América Latina a sediar a International Society for Child Indicators
13/06/2022 16:19
Kecila Barcelos

Professora da PUC-Rio recebe prêmio ISCI durante a Conferência

Professora Irene Rizzini com o prêmio ISCI / Foto: Acervo Pessoal

O Brasil foi o primeiro país da América Latina a hospedar a Conferência Internacional da Sociedade de Indicadores da Infância. A oitava edição do foi realizada em Gramado, no Rio Grande do Sul, entre os dias 25 e 27 de maio e, participaram cerca de 150 profissionais de diferentes nações. A ISCI é uma rede formada por mais de 30 países, que se reúnem para discutir temas relacionados à infância. O tema central deste congresso foi o crescimento da população infantil e juvenil em um contexto de desigualdade de direitos e bem-estar.

A professora Irene Rizzini, do Departamento de Serviço Social da PUC-Rio, recebeu o prêmio ISCI Award in Honor of Alfred J. Kahn and Sheila B. Kamerman 2022 após a sua palestra de abertura no segundo dia da Conferência. No painel de inauguração, a professora abordou os indicadores de desigualdade socioeconômica no Brasil e no mundo. Irene ainda apresentou dois painéis relacionados à pesquisa que ela coordena com outros países, entre eles o Canadá, a África do Sul e a Índia. O estudo analisa a participação infantil e juvenil em movimentos sociais e o ativismo de jovens pesquisadores no acesso da juventude ao mundo do trabalho.

Para a professora, que também é pesquisadora há mais de 40 anos, conquistar o prêmio ISCI é um grande reconhecimento profissional. A homenagem é dedicada a pesquisadores que contribuíram para um estudo internacional sobre o tema da infância em situação de vulnerabilidade social. A partir das pesquisas desenvolvidas, formas de intervenção social são planejadas para melhorar a qualidade de vida infantil.

“Eu me senti muito feliz e honrada de ser premiada porque faz jus a uma trajetória longa, internacional e reconhecida. O Congresso ISCI busca integrar dados qualitativos e quantitativos sobre o bem-estar infantil. As pesquisas oferecem informações necessárias, que podem ser traduzidas para o campo das políticas públicas em diferentes áreas porque os indicadores fornecem informações mais precisas sobre os diferentes fenômenos que impactam a vida de crianças e adolescentes”, afirma.

A Conferência Internacional da Sociedade de Indicadores da Infância foi fundada oficialmente em 2006, em Oslo, na Noruega. Desde então, a cada dois anos os países integrantes da ISCI se reúnem com o objetivo de revelar  descobertas, apoiar a colaboração e expor estudos sobre o bem-estar infantil.

Mais Recentes
Mesma essência em diferentes frequências
Em comemoração do centenário do rádio, a professora Rose Esquenazi analisa as transformações do meio de comunicação
Avanço sobre o desconhecido
No XXX Seminário de Iniciação Científica da PUC-Rio, alunos da Universidade recebem certificados e discutem o ofício da ciência neste século
Amizade e fraternidade social
XIII Semana da CRE discute maneiras de incentivar autonomia e cidadania na Universidade