Elo entre mestres e alunos na escola pública
02/12/2019 17:50
Nathalie Hanna

Profissionais de ensino discutem o incentivo à formação de professores no país

Encontro debate a formação de professores no país. Foto: Catarina Kreischer

O VI Encontro do Instituto do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID) e o I Encontro Institucional da Residência Pedagógica (RP) apresentaram as bases epistemológicas da política de formação de professores no Brasil. Durante a palestra, que foi realizada no dia 6 de novembro, os participantes discutiram os principais pontos da RP, iniciativa que tem o objetivo de modernizar o ensino PIBID e aproximar docentes do ensino público.

A coordenadora institucional do PIBID na PUC-Rio, Maria Rita Passeri, ressaltou que o programa é uma ação da Política Nacional de Formação de Professores do Ministério da Educação (MEC), com o objetivo de aproximar a prática docente do cotidiano das escolas públicas. Segundo a coordenadora, o PIBID concede bolsas a alunos que pretendem exercer o magistério e se dediquem a projetos de aprendizagem relacionados ao ensino em escolas públicas. A ideia, segundo ela, é antecipar o elo entre futuros mestres e as salas de aula da rede pública.

A Coordenadora da Residência Pedagógica na PUC-Rio, Maria Cristina de Góes Monteiro, explicou como funciona a estrutura da RP, que surgiu com a ideia de aproximar a formação acadêmica das demandas do ensino público. O propósito é aprimorar a prática nos cursos de licenciatura e promover o aprofundamento na escola de educação básica. De acordo com ela, esse plano visa que os professores garantam as habilidades e competências dos alunos, com um ensino de qualidade nas escolas de educação básica.

– As dúvidas e os desafios com relação à residência pedagógica eram muitos, mas entramos seguros e nutridos de muita confiança. Esse trabalho, apesar de intenso, sempre foi muito apoiado. Ele é importante para o desenvolvimento de projetos que intensificam o campo da prática e guiam os professores a exercer a relação entre teoria e técnica profissional.

 

A Coordenadora Institucional do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência na PUC-Rio, Maria Rita Passeri, discute o propósito do PIBID. Foto: Catarina Kreischer

Pró-reitor de extensão e Cultura da Universidade Federal de Uberlândia, Helder Eterno da Silveira, abordou a importância da educação e como ela reflete na sociedade diariamente. O palestrante observou que a formação dos professores é essencial para criar laços sociais e desenvolver uma aprendizagem para a vivência, além de ser importante para entender a política que é dada nas escolas.

– É através dos professores que nós nos informamos melhor sobre o cenário político atual que é vivido hoje em dia. A medida que a escola funciona, nos faz repensar a maneira como deve ser feito o ensino. Se alguém quer dominar uma sociedade e o status quo, tem que tirar a educação.

Pró-reitor de extensão e Cultura da Universidade Federal de Uberlândia, Helder Eterno da Silveira, comenta a atuação da educação na sociedade. Foto: Catarina Kreischer

Mais Recentes
Liberdade de expressão no mundo
Diretora regional do Repórteres Sem Fronteiras na América Latina analisa a democracia jornalística no continente
Conexões entre comunicação e a cidade
Muniz Sodré e Julita Lemgrumber analisam os problemas que o Rio de Janeiro enfrenta