Novos representantes dos alunos na Universidade
19/12/2019 20:02
Nathalie Hanna Georges

DCE e Centros Acadêmicos da PUC-Rio tomam posse em reunião na Sala do Conselho

DCE e Centros Acadêmicos ao lado do Vice-Reitor Comunitário, professor Augusto Sampaio. Foto: Gabriela Callado

As chapas eleitas para o DCE Raul Amaro, os Centros Acadêmicos e a Associação de Pós-Graduação da PUC-Rio tomaram posse no dia 13, na sala do Conselho Universitário. Os responsáveis pelo os diretórios representarão os alunos durante o ano letivo de 2020. A cerimônia foi presidida pelo Vice-Reitor Comunitário, professor Augusto Sampaio, que ressaltou a importância de uma participação política na Universidade e relembrou como era o direito ao voto na época em que ele estudou na PUC-Rio.

– É um prazer participar da posse e da reeleição das chapas porque é uma conquista da democracia e da política do país, o que me preocupa muito nos dias atuais. Eu vivi o tempo em que não podia votar e não podia falar, era muito complicado. Temos que mudar, temos que pensar. Eu sempre quero ouvir os jovens porque, da minha geração para a de vocês, há uma grande mudança. É importante nós dialogarmos.

O Vice-Reitor Comunitário, professor Augusto Sampaio comentou a importância da posse para o ambiente universitário. Foto: Gabriela Callado

Um dos integrantes da chapa Coragem para Lutar, Laís Buarque destacou que um dos planos para o DCE de 2020 é aproximar mais o contato do estudante com a Universidade. De acordo com ela, a chapa apresenta quatro eixos principais para atuar com vigor no Diretório.


– Nós temos alguns objetivos, que são a luta em defesa da permanência estudantil, a relação de comunicação com o DCE, ou seja, que o diretório esteja com um contato diário com os universitários, pensar em ações em conjunto para retomar a união dos coletivos e a transparência das nossas decisões para os alunos como um Diretório. Todos nós sabemos que a mobilização foi um pouco perdida, e queremos retomar isso. Queremos representar mais os estudantes e criar um hábito com eles, como debates e conversas.


As chapas eleitas foram: Associação de Pós-Graduação: 11 – Pensamento e Liberdade; DCE: 16 – Coragem para Lutar; C.A. Comunicação Social (CACOS): 22 – Somos; C.A. Ciências Sociais (CASOC): 23 - Revolta Do Malês; C.A. História (CAHIS): 25 - Lélia Gonzalez; Conselho Representativo Dos Alunos De Artes (CRAA): 26 - Rosa De Pedra; C.A. Serviço Social: 27 - Eu Sou Porque Nós Somos; C.A. Arquitetura E Urbanismo: 28 – Átrio; C.A. Filosofia (CAFIL): 29 – Rodapé; C.A. Psicologia: 30 - Chapa Vamos; D.A. Química/Eng. Química/ Eng. Materiais E Nano: 31 – DAQEQ; D.A. Adhemar Fonseca (DAAF): 32 – Aliados; C.A. Ciências Biológicas: 33 – Casulo; C.A. Geografia (Gnaisse): 34 - Chapa 2020; C.A. Teologia: 35 – Gênesis; C.A. Informática: 36 - Nexus-6; C.A. Letras: 37 - Carolina Maria De Jesus (CMJ); C.A Relações Internacionais: 39 – Urucum;  C.A. Pedagogia: 40 -C.N.V (Comunicação Não Violenta): C.A. Eduardo Lustosa (CAEL): 45 - Tamo Junto.

Mais Recentes
Integração dos saberes marca primeiro dia de Seminário
Ao longo da semana, Universidades Jesuítas de 14 países da América Latina celebram os cinco anos da Laudato Si’
Janelas de excelência
PUC-Rio e sete universidades católicas criam parceria para ensino, pesquisa e internacionalização
Desafios da ajuda humanitária
Agentes da ACNUR relatam o trabalho com refugiados em Roraima